Compartilhe
Ver o tópico anteriorIr em baixoVer o tópico seguinte
avatar
Admin
Mensagens : 179
Data de inscrição : 29/11/2017
Ver perfil do usuáriohttp://www.forumprocarros.com

Novo Toyota Corolla é apresentado e chega ao Brasil em 2020

em Sex Nov 16, 2018 4:52 pm
Novo Toyota Corolla é apresentado e chega ao Brasil em 2020



Décima segunda geração do sedã estreia na China com novo motor 2.0 de 170 cv

ATUALIZAÇÃO: A Toyota divulgou mais imagens e informações do novo Corolla nas versões mais simples após a apresentação, enquanto o material embargado enviado para a imprensa continha fotos somente da versão esportiva do sedã. O texto e a galeria de imagens foram atualizados de acordo.







Demorou, mas chegou! Este é o novo Toyota Corolla na versão sedã, apresentada na China durante o Salão de Guangzhou e que acabou ficando para depois das variantes hatchback e perua. Assim como seus irmãos de plataforma, o Corola sedã traz uma mudança radical nas suas linhas, tentando atrair o público mais jovem. Promete ser mais seguro, com a adição de equipamentos de segurança ativa e passiva, e mais econômico, tanto pelo uso do motor 2.0 de 170 cv quanto com a futura versão híbrida.



O novo Toyota Corolla terá três visuais. As versões com motor a combustão (como o modelo vermelho acima) terão um design próximo do hatch e da perua, com o mesmo formato de grade e que foi apresentado na China como Levin (nome de uma das versões na China). A segunda versão será a híbrida (na foto do meio acima), com faróis de formato diferente, mais retangulares do que as do hatchback, e com luzes de neblina afastadas da grade. Alguns mercados, como os Estados Unidos, terá uma variante com cara mais esportiva chamada XSE, com uma grade bem maior que engloba parte do para-choque e ainda recebeu uma segunda entrada de ar mais acima. Os faróis tem formato semelhante ao da versão normal, mas com luzes de LED.





Seja como for, a décima segunda geração do Corolla traz uma revolução visual. Os faróis têm desenho forte, acompanhando vincos na parte da frente do carro, e ainda trazem luzes em LED. É praticamente impossível de relacioná-lo com o modelo atual. A traseira segue o mesmo estilo, embora a versão esportiva XSE mostre lanternas diferentes, com desenho mais convencional e com uma ligação que atravessa o porta-malas.

É ainda mais diferente do lado de dentro. A Toyota aposta em uma cabine mais limpa, concentrando a maior parte dos botões na central multimídia ou nos comandos do ar-condicionado. Falando na multimídia, ela usará uma tela flutuante de 8 polegadas com um novo sistema, já com compatibilidade com Apple CarPlay – nada de Android Auto por enquanto, já que a política da Toyota até há poucos meses era não trabalhar com o sistema operacional da Google.

Até o panel de instrumentos mudou. As versões básicas trazem uma tela TFT de 4,2 polegadas, enquanto as mais caras recebem um display de 7 polegadas entre o velocímetro e o conta-giros. É capaz de mostrar dados da central multimídia, do controle de cruzeiro adaptativo ou servir de velocímetro digital.





Construído com a plataforma TNGA, o novo Corola ficou maior. Seu entre-eixos é igual, com 2,70 metros de comprimento, mas as semelhanças param aí. A frente foi encurtada 3,3 cm, enquanto a traseira cresceu quase 1,5 cm. As alterações foram feitas para reduzir o centro de gravidade, montando o motor em uma posição mais baixa. Além disso, aproveita melhor o espaço de entre-eixos para deixar os passageiros mais confortáveis. Isso faz com que tenha 4,64 metros de comprimento, 1,78 m de largura e 1,43 m de altura.



Será vendido com o motor 1.8 atual, com alterações para ficar mais potente e econômico (a marca não revelou os dados desta motorização). As versões XSE e SE adotam o novo 2.0 de quatro cilindros com injeção direta. Gera 170 cv a 6.660 rpm e 21,4 kgfm a 4.800 rpm. Trabalha com o câmbio CVT melhorado, que continua com a primeira marcha mecânica, mas o CVT agora simula 10 marchas – só que perdeu os paddle-shifts atrás do volante, fazendo trocas manuais na alavanca.





Além das opções a gasolina, o novo Corolla ainda terá versão híbrida, com um conjunto formado pelo 1.8 com outro motor elétrico (o mesmo usado pelo Prius), gerando 122 cv e reabastecendo as baterias com o movimento do veículo. Os europeus terão outra opção de motor, uma versão melhorada do 1.6 usado atualmente por lá, com 132 cv.

A Toyota promete que todos os seus carros montados com a plataforma TNGA serão mais seguros, recebendo o pacote Safety Sense. Com ele, o Corolla passa a contar com sistema pré-colisão, controle de cruzeiro adaptativo, assistente de saída de faixa, leitor de placas de trânsito e faróis altos automáticos. O piloto automático trabalha junto com o leitor de faixas, fazendo com que o sedã seja capaz de acompanhar o trânsito e fazer pequenas curvas sozinho, embora exija que o motorista continue com as mãos no volante.



A estreia na maioria dos mercados irá acontecer ao longo de 2019. A fabricante diz que, na Europa e nos EUA, começará a ser vendido durante a primavera do hemisfério norte (ou seja, entre março e junho). Por aqui, a espera será mais longa. Como a fabricante nipônica acaba de começar a atualização da fábrica em Indaiatuba (SP), investindo R$ 1 bilhão na obra, em um processo que levará até um ano e meio para ser concluído, o lançamento nacional fica para 2020.

Fotos do corolla































Ver o tópico anteriorVoltar ao TopoVer o tópico seguinte
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum